Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Guia do Envelhecimento Ativo

Saúde, Bem-estar, Moda, beleza e Exercício Físico no Envelhecimento

Guia do Envelhecimento Ativo

Saúde, Bem-estar, Moda, beleza e Exercício Físico no Envelhecimento

Actividade Física e Envelhecimento Saudável

Luísa de Sousa, 18.06.15

envelhecer_bem-1100x738.jpg

 

 

Dos diversos estudos que têm sido desenvolvidos ns últimos anos para tentar descobrir o que contribui para um envelhecimento saudável e com qualidade, todos apontam para a prática de actividade física como um dos factores essenciais (Vaillant, G.E., 2003).

 

Se por um lado, a prática de actividade física está intimamente ligada a um envelhecimento saudável, é na inactividade que está na origem muitas patologias, sobretudo aquelas normalmente associadas ao processo de envelhecimento (López, R., 2002).

 

Das consequencias da inactividade física podemos salientar:

 

 

1 - Fisiológicas - patologia cardiovascular e respiratória precoce; patologia metabólicas;  patologia osteoarticular; debilitação do sistema imunitário; deminuição da produção de hormonas.

 

2 - Psicológicas - baixa auto-estima; apatia; confusão; insónias; ansiedade; depressão.

 

3 - Sociais - imagem social negativa; isolamento.

 

 

O exercício físico regular, sistemático e adaptado a esta faixa etária pode ser uma forma de atingir uma série de benefícios que contribuem para um envelhecimento activo, nomeadamente:

 

1 - Fisiológicos - aumento da resistência, força muscular, flexibilidade, equilibrio; atrasa o aparecimento de alterações posturais, dores de costas e artroses; melhora o funcionamento do sistema imunológico; reduz a probabilidade de obstipação; reduz o risco de patologias como a diabetes, obesidade, cancro do colon, osteoporose, acidente vascular cerebral, enfarte do miocárdio; dimunui a tensão arterial; melhora o sono.

 

2 - Psicológicos - melhoria das capacidades cognitivas, perceptivas e de coordenação; incrementa o sentimento de auto-estima e de bem-estar geral; melhora o humor e reduz o risco de  depressão; favorece a actividade intelectual; alivia o stress; proporciona novas aprendizagens.

 

3 - Sociais - melhoria das capacidades de comunicação; promove relações sociais; a proxima a pessoa do seu meio envolvente; ajuda na integração da pessoa ao seu meio; cria a prossibilidade de novos relacionamentos.

 

 

A prática da actividade física na 3ª idade não tem de ser dificil de praticar nem esgotante ou aborrecida para atingir os benefícios acima descritos.

 

Existem actualmente várias modalidade de actividade física adaptada que com certeza além de prazerosa é uma mais valia no processo de envelhecimento com qualidade.

 

O yoga, pilates, tai chi chuan, exercícios de força, aeróbios, dança são as modalidades mais recomendadas para esta faixa etária.

 

Contudo recomenda-se sempre uma avaliação médica antes de iniciar qualquer programa de actividade física para poder optar pela melhor modalidade que se adapte à sua condição.

 

 

Um abraço

Luísa de Sousa

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.